Notícias

Postado dia 18/06/2015 - 14h53min

Criança escreve carta para Jesus contando que havia sido abusada e acusado é condenado

Uma criança escreveu uma carta para Jesus relatando que havia sido abusada sexualmente, e essa ação, ingênua, permitiu que o estuprador fosse preso pela Polícia.

Na carta, a criança de 8 anos de idade narrou os crimes sexuais cometidos contra ela por Eric Rivera, na cidade de Covington, nos Estados Unidos.

O caso só teve um desfecho porque a carta foi deixada em uma Bíblia e posteriormente encontrada por funcionários da escola onde estudava e encaminhada à Polícia, que entrevistou a criança e ouviu uma confirmação da narrativa.

Segundo a criança, Rivera abusava dela desde os 6 anos de idade, e isso levou os investigadores a pedirem um mandado de busca contra o acusado. Na revista da casa, os policiais encontraram revistas de conteúdo pornográfico, exatamente como a vítima havia descrito.

No celular e computador do acusado foram encontradas 186 imagens de pornografia, segundo informações da emissora WCPO. O caso foi registrado pelas autoridades em outubro de 2013, mas foi trazido à tona somente agora, quando o processo de Rivera chegou ao fim, após dois anos.

O pedófilo foi condenado por sodomia, abuso sexual e outros delitos, e pegou pena de 25 anos de prisão, conforme recomendação do procurador Kate Bennett.

Rob Sanders, um dos procuradores que atuou no caso, afirmou em um comunicado que o caso ficava como um exemplo: “Embora não haja nenhuma quantidade de tempo ‘justa’, esta condenação garante que ao molestar uma criança, mais de duas décadas de sua vida será atrás das grades”, afirmou.

Compartilhe: